terça-feira, 29 de janeiro de 2013

É urgente acabar com a sobrepesca

O vídeo disponível neste post dá-nos uma noção da intensa depredação atual dos mares e oceanos, por força da pesca industrial, do aumento das capturas em consequência do aumento do consumo, duma cada vez maior população mundial. Este assunto obriga-nos a refletir sobre a 'velha' questão do necessário equilíbrio entre população e recursos ou desenvolvimento sustentável do planeta.

Através de ilustrações muito elucidativas, este vídeo, demonstra os efeitos nefastos, quer das modernas técnicas de pesca, quer da tão proclamada aquacultura, como salvadora da biodiversidade marinha. Senão atentemos nos seguintes indicadores avançados por investigadores:

  • Nos últimos 60 anos as reservas de peixe de maior dimensão diminuíram 90%;
  • Prevê-se o colapso (ao ritmos do consumo atual) para todos os tipos de espécies de peixe nos próximos 50 anos;
  • As maiores redes da técnica de arrasto possuem diâmetros na ordem dos 23 000 m2, o que é equivalente a 4 campos de futebol e capturam, de cada vez, mais de 500 toneladas de peixe;
  • Para se criar 1 kg. de Salmão, em regime de aquacultura, é necessário, em média, 5 kg. de peixe selvagem.


Certamente que estes indicadores darão que pensar e para motivar para a visualização do vídeo.





Sem comentários:

Enviar um comentário